16 julho 2018

Resenha: Cuir Vert da Condé Parfum


Gente, pensem em um perfume de saída furtada verde bem evidente...
Assim é o Cuir Vert da Condé Parfum


Na saída, o delicioso aroma de goiaba, uma goiaba verde, daquela que dá água na boca só de imaginar o toque azedo dela por não estar madura.

Nessa saída eu já sinto a pegada canforada dele (mesmo sendo parte do corpo) que provém da bétula doce (mesmo sendo proveniente da bétula, eu só lembro de uma barra branquinha de cânfora pura, que dá vontade de cheirar o tempo todo).

Esse canforado nada tem a ver com Vick Vaporub (muitas pessoas só associam cânfora ao vick). O acorde verde do corpo só intensifica o esverdeado da saída. Aqui eu o sinto encorpado, resinoso, com a nota da goiaba ainda em evidência junto com a bétula dando um aspecto gelado ao perfume.

No fundo, eu o sinto esfumaçado, o sinto nebuloso, cinza, incensado e defumado.
O oud é bem ressaltado. Já o olíbano, um aroma que eu não sou bem chegada, aparece para dar o ar incensado e defumado, o que eu acho ótimo (olíbano é um dos aromas que eu realmente escanteio). 

No geral, ele é um perfume doce verde gelado que se torna incensado esfumaçado defumado bem cinza.

A primeira vez que eu experimentei, no meu quarto, borrifei na pele, saí do quarto e, tempo depois, quando voltei, ele estava com um aroma delicioso de goiaba 

O verde e o cinza se completam, entram em uma perfeita harmonia, uma sinfonia aromática surpreendente.

O meu é um decant e veio da Condé Parfum. Além do Cuir Vert, eles dispõem do Chypre Clair e do Tabac D'or. 

É uma experiência incrível conhecer os perfumes de nicho dessa casa. São muito bem elaborados e possuem evoluções incríveis!

Clique aqui para saber mais sobre cada um deles!

17 junho 2018

Resenha: L'essence Des Notes - Vetiver e Patchouli

Vou começar esse post com uma apresentação de c omo sinto uma das notas do perfume a ser resenhado :)

  • Eu tenho o amor acima de todas as coisas;
  • Eu me entrego em tudo e por completo, intensamente;
  • Eu estou aberta a novas vivências extraordinárias;
  • Eu sou daquelas que todos querem por perto, pra vida toda;
  • Eu teletransporto pessoas para lugares incríveis, onde há paz e harmonia, onde podem se conectar com seu próprio eu;
  • Eu sou aquela que encanta pela beleza natural;
  • Eu sou do tipo que ama a liberdade em todos os aspectos da vida;
  • Eu sou um ser que emana amor, tranquilidade, paz, leveza, ingenuidade e pureza;
  • A minha luz encanta e contagia a todos ao meu redor;
  • Muitos tentam apagar a minha luz, o meu brilho, mas sou tão forte que se torna uma tarefa cansativa, impossível;
  • Sou 8 ou 80 - ao mesmo tempo que muitos me amam, muitos também me odeiam, não me dando a chance de mostrar o quanto eu posso surpreender e mostrar a minha capacidade de transformar pessoas e seus estados psíquicos. Os que me dão a chance têm as almas transformadas, limpas, livres de negatividade. Se tornam amor, verdadeiramente humanos, passam a emanar vitalidade, auto confiança e desejo de transformar seus semelhantes, assim como foram transformados por mim, porque é transformando os seres que se transforma o mundo;
  • Nada me detém, só me fortalece, como o componente chamado patchouli, que intensifica a minha personalidade, a minha descrição;
  • Sou do tipo que dispensa apresentações, mas, aqui, tenho o prazer de me apresentar:

Prazer, sou a “mulher vetiver”! Essa não sou eu, mas poderia ser. Vetiver tem todo esse poder transformador, se permitirmos.


Tudo isso para falar sobre uma delícia aromática, o L'essence Des Notes - Vetiver e Patchouli.

Esse perfume não é puro vetiver, mas é uma nota mais evidente em minha pele, por isso uma descrição especial para ela


  • Ele tem uma saída meio alcoólica cítrica, me remetendo a uma sobremesa de bergamota e toranja flambada. Quando sinto as frutas vermelhas, que é quase imperceptível ao meu olfato, chego a salivar, pensando em morangos azedos;
  • No corpo,  ele se torna incensado, porém de forma sutil e deliciosa. Eu amo essa fase dele algo meio especiado devido a pimenta preta ♥♥
  • No fundo, ele fica amadeirado, telúrico e me leva pra uma tarde de chuva em uma floresta rica de árvores secas, árvores verdes vivos, com uma terra escura, espessa, recém molhada, um lugar que faz com que eu me sinta leve, livre e muito bem acolhida.

Depois de mais ou menos trinta minutos, consigo, finalmente, sentir o docinho das frutas vermelhas, daí ele fica um docinho nada enjoativo, incensado e especiado comedido e telúrico com um toque cítrico da bergamota e toranja. 
Não é um perfume que, após todas as evoluções, fica apenas nas notas de fundo, pelo menos na minha pele.

O meu L'essence Des Notes - Vetiver e Patchouli veio da Madame Vilar. Caso tenha interesse em conhecer essa delícia olfativa, clique aqui!

10 junho 2018

Resenha: Perfume Molecule 03 - Alta projeção e duração

Hoje eu vou falar sobre um perfume de projeção e duração incríveis, o Molecule 03

O aroma químico desta vez é o acetato de vetiveryle, um ingrediente que, na verdade, começa com óleo de vetiver. Através de um processo químico os tons mais escuros vão sendo apagados e os que permanecem são os amadeirados suave e elegante de raízes de vetiver secas. Uma nota de vetiver refinada que, no Molecule 03 é celebrada em sua forma mais pura. Surpreendentemente, esta única nota percorre a escala de todos os aspectos de vetiver.

Molecule 03 traz o yin e yang do frio e do quente, é um perfume “skin scent” secreto e astuto. Se fosse uma jóia, seria uma esmeralda, única, impecável em um ambiente de platina simples, uma coisa de beleza e, talvez seja o vetiver mais perfeito que você já tenha experimentado. Amantes do Vetiver: chegou o que vocês esperavam.


Um bosque, uma chuva, uma terra molhada... uma raiz preciosa. Tudo isso dentro de um vidro.

Um aroma rançoso
Um aroma teletransportador
Um aroma para agradar
Um aroma para desagradar
Um aroma para atrair
Um aroma para afastar
Um aroma amor
Um aroma ódio
Um aroma 8 ou 80
Um aroma primitivo, extremamente duradouro, que impregna até na alma do ser
Um aroma bicho do mato
Um aroma de conexão com a terra mãe e sua sublimidade
Um aroma assombrosamente potente

Prazer, eu sou o vetiver!

Sim, existe tudo isso dentro do Molecule 03! 
Digo que é para gostos excêntricos porque vetiver, principalmente em sua forma mais pura, não é tão fácil de agradar. O Molecule 03 é puro aroma de vetiver, um aroma telúrico que dá um banho de projeção e duração (pra mais de 10 horas).

Evolução? De vetiver para vetiver e ponto! Para quem gosta de vetiver, assim como eu, vai amar essa obra prima não só pelo aroma, mas pela performance projetora e duradoura.

O meu veio da Espírito Bird e você pode adquirir o seu aqui!

02 junho 2018

Resenha: Ekos Flor da Manhã de Natura

Mais uma surpresa olfativa pra mim: a experiência de sentir Ekos Flor da Manhã de Natura

Ekos Flor da Manhã é uma fragrância floral exclusiva e sofisticada, que traduz a natureza generosa e exuberante da Amazônia de forma surpreendente e refinada..

O dia começa a amanhecer e você está no maior jardim do planeta, a Amazônia. Observando a beleza das flores daquele lugar, os seus sentidos se perdem em uma mistura de aromas e cores. Então você a vê: exuberante, com um perfume que parece dançar pelo ar. Ela é a Flor da Manhã. Graciosa, encantadora, radiante. Assim como você.

Inspirada nessa flor que desabrocha nos primeiros instantes do dia, Natura Ekos criou essa fragrância. Enriquecida com uma combinação única de óleos essenciais amazônicos, Ekos Flor da Manhã possui uma essência floral luminosa, que possui uma saída cítrica, corpo floral delicado e fundo confortável levemente adocicado.


Eu sou alegre
Sou fresca
Sou leve
Libero sorrisos com a minha alegria

Eu desabrocho 
Eu floresço 
Sou feminina

Sou quente e irradio como o sol
Eu aqueço 
Sou afago 
Sou abraço 

Eu adoço o amargo da vida
Eu exalo delícias e satisfaço o paladar pelo meu aroma doce 
Eu sou uma riqueza natural dentro de um vidro, eu sou Flor da Manhã! 

⚠️ As descrições são feitas por mim! Eu descrevo como eu as (notas) sinto, de acordo com as minhas percepções olfativas e emocionais.

Notas de saída - Bergamota, gengibre, grapefruit.
Notas de corpo - Violeta, jasmim, muguet.
Notas de fundo - Musc, âmbar, cedro.

Gente, esse perfume (na verdade é colônia) é simplesmente delicioso e tem uma potencialidade incrível pelo fato de ser uma colônia. Eu o sinto como o descrevo acima.

Na saída, eu sinto o cítrico amargo do grapefruit (grapefruit é o resultado do cruzamento do pomelo com a laranja) e o ardidinho do gengibre bem sutil;
No corpo, violeta mostrando a sua delicadeza e feminilidade;
No fundo, o amadeirado balsâmico do âmbar e o aroma amadeirado seco e quente do cedro bem intensos.

  • A projeção e duração surpreender por se tratar de uma colônia!!
  • Na minha pele, projeta de 4h a 6h e dura de 7h a 8h;
  • Cai bem em qualquer estação do ano e em qualquer horário do dia;
  • Em mim, ele exala mais em dias quentes.

Clique aqui para conhecer os demais perfumes da Natura!

Resenha: Eternity de Calvin Klein

O que falar desse clássico tão amado, mas, também, tão odiado por muitas?

Eternity é a fragrância romântica e eterna. Calvin Klein, inspirou-se em duas histórias de amor, em mundos distantes, quando criou este perfume.


  • Ele é um clássico;
  • Nunca deixou de encantar com o seu aroma altamente feminino;
  • Divide opiniões;
  • É floral forte, quase pesado... E é esse quase peso das flores que incomoda aos que o odeiam;
  • É um floral bem floral, um floral aberto e limpo que emana delicadeza e alta feminilidade;
  • É um floral que, em algumas pessoas, pode causar dor de cabeça;
  • Potencialidade floral o descreve.

Notas de cabeça - Framboesa, mandarim, artemísia, frésia, sálvia;
Notas do coração - Muguet, liz, lírio branco, lírio do vale, narciso;
Notas de fundo - Patchouli, sândalo, almíscar.

Na saída, sinto a mandarina suculenta, a frésia e a artemísia bem gritante, bem pá, exalando suas potencialidades;
No corpo, lírio, lírio e lírio com um toque de narciso;
No fundo, almíscar e sândalo dando uma quebrada no floral excessivo de saída e corpo.

Ele não contém gerânio na pirâmide, porém, de todas as evoluções, ao cheirar o local em que foi aplicado, sinto algo que me remete a gerânio, uma dos meus aromas preferidos

  • Diferente do que dizem, ele não parece um perfume de senhoras;
  • Mesmo ele sendo um perfume fora dos padrões olfativos atuais (doce, gourmand), ele é um clássico atual;
  • É uma fragrância que fica levemente atalcada, mas não como em perfumes de senhoras, um atalcado, realmente, leve, pelo menos na minha pele;
  • É o tipo de perfume ideal para quem ama florais de médios a pesados;
  • Na minha pele, exala de 2h a 3h e dura de 4h a 6h.


O meu Eternity veio da iBay Brasil e você pode adquirir o seu clicando aqui.
É uma ótima opção de presente para o Dia dos Namorados ;)

22 maio 2018

Resenha: Ekos Magia da Floresta de Natura

Gente, como pode tanta sublimidade em um perfume?
Eu nunca pensei que um perfume da linha Ekos pudesse ser tão atraente e tão poderoso como o Magia da Floresta!!

Em se tratando de Ekos, na qual os perfume são mais ''amenos'', a Natura me surpreendeu não só pelo aroma, mas, também, pela potência dele. Ele é do tipo de perfume que dá vontade de ficar cheirando o tempo todo.


“Chove todo dia na floresta amazônica. O céu escurece de uma hora pra outra, a brisa vira ventania, a atmosfera fica densa e pesada até que o céu despenca, violento. Então de repente as nuvens se dispersam. O vento cessa e a magia da floresta acontece. A luz do sol invade e aquece outra vez o verde da mata. O ar se imunda com uma deliciosa névoa misteriosa e surpreendente. É uma mistura de madeiras, folhas, raízes e cipós. A quintessência da floresta, que atravessa galhos e copas, subindo em direção ao céu. Ela é semente de nuvem. Amanhã vira chuva outra vez”.

Em dias amenos (27º - Recife)

  • Na saída, eu sinto o docinho do damasco com a quentura e ardência da pimenta rosa (uma leve sensação ardida no nariz) e essa combinação é bem harmônica;
  • No corpo, priprioca bem evidente e intensa e o floral delicioso, delicado e feminino da peônia (um aroma que transparece o eu feminino);
  • No fundo, o amadeirado do cedro, a quentura da copaíba e o doce encorpado, apurado e não invasivo da baunilha e fava tonka. Nesse fundo, as notas dançam lindamente, criando um acorde encantador, sexy, sensual e conquistador.

No geral, nesse clima, depois das evoluções, ele fica, na minha pele, um floral adocicado bem balsâmico (''sinestesicamente'' falando, me lembra uma borracha perfumada). E ele exala isso, o doce floral balsâmico, exala feminilidade, o que o torna um perfume feminino mesmo.

É um perfume que me agrada do começo ao fim, porém o fundo dele é a minha fase preferida

Em dias quentes (29º / 30º - Recife)

  • Na saída, a pimenta rosa e as notas aquosas. Nada de damasco!;
  • No corpo, a priprioca também é evidente;
  • No fundo, o aroma aquecedor do cedro (um aroma que transmite força, coragem, confiança), copaíba ressaltando a sua quentura, bem como o seu amadeirado, e vetiver exalando terra molhada, exalando chuva recém caída, exalando o seu poder transformador emocional (e exala intensamente).

Aqui, nessa temperatura, nada de doce evidente! O doce fica bem rente a pele. Ele exala o que há de mais terroso, exala quentura.  Depois das evoluções olfativas, ele fica um perfume amadeirado terroso quente, se tornando compartilhável.

Clique aqui para conhecer os demais perfumes da Natura!